O CHANEQUE

(União – Piauí; José de Freitas – Piauí)

Cleanto Sousa cresceu na cidade de União, onde vive, e já contou algumas histórias no grupo dos Causos Assustadores no facebook. Nessa história, ele narra a aparição de uma criatura parecida com um duende, que na opinião de Rafael Noleto, sacerdote da Vila Pagã, seria um Chaneque, criaturas típicas do México, mas que aparecem também no Piauí. Veja a história a seguir:

21741785_336902290067480_178666201_n (1)

“Alguns anos atrás, minha mãe possuía uma venda de bebidas na periferia da cidade, onde os homens iam para se descontrair e marcar encontros com suas amantes.

Entre esses homens, um que frequentava de forma assídua os fins de semana para beber e jogar conversa fora. Numa dessas noites vinha ele em sua bicicleta Monark, por uma pequena rua de terra com a cabeça baixa quando levou um tremendo susto.

Uma figura muito pequena, de pele bem escura como uma noite sem lua, se jogou em sua frente. Suas feições em nada se assemelhava a uma pessoa normal. O susto foi tanto que ele quase caiu da bicicleta.

Quando se recobrou a figura havia desaparecido. Ao chegar na venda de bebidas, minha mãe viu que ele estava pálido como o papel. Ela pediu a sua ajudante que trouxesse um copo de água. Ele bebeu e contou o causo.

Minha mãe riu e contou que ele não foi o primeiro a ver tal aparição. Outros moradores daquela região haviam passado pela mesma situação”.

QUEM SÃO OS CHANEQUES?

Ao comentar a história no grupo dos Causos, Rafael Noleto, jornalista, bruxo e sacerdote da Vila Pagã informou que acredita que referida criatura poderia ser um Chaneque e que já teria ouvido relatos semelhantes na região de José de Freitas. Informou ainda que já teria visto a criatura com um grupo de amigos durante uma noite de acampamento.

O seu blog, Paganismo Piaga, informa que o nome Chaneque significaria “Os que habitam lugares perigosos”, e acrescenta:

Os Chaneques são seres associados ao elemento terra e podem habitar no subsolo ou em locais isolados, áreas verdes e montanhas. Possuem o aspecto de um pequeno homem, entroncado, de coloração às vezes clara e às vezes marrom.
Esses seres da natureza tem o papel de zelar pelos locais onde habitam, protegendo árvores, tesouros ou portais mágicos. Acredita-se que, quando seus domínios são ameaçados, eles têm o poder de fazer as pessoas perderem a razão, o que só pode ser corrigido através de um ritual mágico, para evitar que a pessoa perca totalmente sua alma e morra.
Geralmente são tímidos, mas alguns também se divertem aparecendo e causando pequenos sustos em quem consegue vê-los. Se avistar um desses seres em algum local, não é recomendável seguir, pois podem deixá-lo perdido, vagando entre os mundos.
O site medo sensitivo também presta valiosas informações sobre os Chaneques:
Os chaneques, ou Nahuatl “chane ou chaneque” (“aqueles que vivem em lugares perigosos”) ou (“donos da casa”) são duendes da mitologia mexicana. Estes seres habitam as florestas e cuidam das nascentes, árvores e animais selvagens. Tem aparência de um pequeno homem (ou mulher). Acredita-se que eles podem assustar as pessoas e fazê-los perder a sua Tonalli (espírito) , que se não for corrigido por um ritual destinado a recuperar a Tonalli perdida o indivíduo pode morrer.
Atualmente, no sudeste do México, os chaneques são espíritos travessos, são como crianças que escondem coisas, aparecem e ou desaparecem para distrair as pessoas e fazê-las se perderem, causando desorientação por um tempo. Uma crença popular diz que se você andar sozinho pela floresta deve vestir roupas para trás para evitar que os chaneques lhe capturem.
(…)

Vivem geralmente, em cavernas, florestas, rios, ruínas, montanhas, riachos, valas, morros, córregos, lagos, lagoas, pedreiras e nascentes. Eles têm a capacidade de causar doenças em seres humanos, apenas passando a mão suavemente no rosto de alguém, mas também podem ser causadas pelo “ar” que eles deixam ao passar. O Chaneque  pode ser benéfico para o homem se for branco e inimigos ou malignos se forem pretos. 

Às vezes, o “interesse” pelas crianças os leva para as casas, alguns dizem, que eles querem tornar as crianças em seus servos por isso as  mães protegem seus filhos, colocando amuletos de olho e semente marrom, cruzes de palma e colocando as roupas ao avesso.

Em geral preferem meninos, especialmente aqueles que são os maiores entre seus irmãos. Aparecem à noite, especialmente quando as crianças estão sozinhas e seus amigos. Depois de ganhar a confiança das crianças se tornam violentos e as atacam. Há muitos casos de crianças desaparecidas que são atribuídos a um  rapto por chaneques.

Dizem que os chaneques só têm dois dedos nas mãos e se com eles arrancarem uma gota de sangue que seja de sua vítima, poderão levá-las ao seu mundo por mágica. As fêmeas de Chaneque fazem de tudo para copular com humanos, pois assim poderiam ter filhos com cinco dedos nas mãos. Há quem diga que os Chaneques maus têm um gosto especial por cérebros humanos, o que seria uma de suas refeições favoritas e que eles podem se apoderar da sombra de uma pessoa e, com isso, se tornar senhores da alma desta.

Os Chaneques bons podem atender pedidos e, inclusive, dar o poder de cura, caso a pessoa que o encontre lhe peça. Já os Chaneques maus, podem causar doenças e até a morte e tem como vítimas preferenciais crianças mau educadas e homens infiéis que, casados, traem suas esposas, pois estes teriam um sabor especial de pecado.

 Essas criaturazinhas podem aparecer a qualquer hora do dia, mas preferem fazê-lo nos horários em que sua magia é mais forte: ao meio-dia e à meia-noite. Nestes horários as zonas em que comumente se avistam Chaneques devem ser evitadas, pois se você der de cara com um Chaneque mau, o efeito será devastador.
Um detalhe: é raríssimo ver um Chaneque bom. São como o vento e embora possa aparecer, isso não ocorre com frequência. Já os Chaneques maus têm o costume de aparecer a pessoas más:  Alguém que responde aos pais, adúlteros e todo tipo de transgressores das normas morais. O período em que mais gostam de atacar os pecadores é durante a semana santa, quando os pecados se tornam ainda mais graves.
Tradicionalmente os Chaneques habitam o México, em especial as regiões em que, tempos atrás, se desenvolveu a cultura olmeca, como as localidades próximas a Veracruz, Oaxaca, entre outras como as habitadas pelos zoque-popolucas. Os mexicanos contam que eles foram os primeiros habitantes da região em que aparecem, até serem sepultados por uma erupção do vulcão San Martín, de modo que é exatamente por isso que é muito raros encontrá-los por sobre a terra.
Acreditamos, contudo, que alguns Chaneques, após tal cataclisma, optaram em migrar para regiões de clima semelhante, como, por exemplo, o Piauí, que, como o México, tem clima tropical e não possui vulcões que possam soterrá-lo. Essa é a explicação, mais que possível, provável, para o fato de terem ocorrido freequentes casos de visualização de Chaneques na região de União e José de Freitas que, geograficamente, são cidades geograficamente bem próximas.
E aí, o que vocês acham? Existem Chaneques no Piauí?
REFERÊNCIAS
ILUSTRAÇÃO: Douglas Viana

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.

Acima ↑

VEJA.com

Notícias sobre política, economia, celebridades, mundo e esportes. Coberturas e reportagens especiais em TVEJA.

Me desculpem, não foi de propósito!

Devaneios irreais sobre uma vida real.

O FOLCLORE BRASILEIRO

O Folclore é uma das nossas mais importantes culturas. Vamos manter a tradição, cultivá-la, divulgá-la, usufruí-la etc.

Se Conto Ninguém Acredita

Histórias de um Subconsciente Pouco Convencional

Colecionador de Sacis

Desde 2015 tirando o folclore da garrafa

Raiz Cultural

Consolidando Cultura Piauiense

Causos Assustadores do Piauí

Mitos, visagens, lendas, ovnis, ets, fenômenos e causos assombrosos do Piauí

WordPress.com em Português (Brasil)

As últimas notícias do WordPress.com e da comunidade WordPress

%d blogueiros gostam disto: