A LEITORA*

(Teresina, Piauí. Biblioteca Central da UFPI) É mais uma noite como todas as outras. Seu Armando anda pelos corredores da Biblioteca Central da Universidade Federal do Piauí cumprindo o protocolo de anunciar aos estudantes o seu fechamento. Àquela hora da noite, haviam poucos universitários pesquisando no lugar. Com pouca gente a biblioteca dentro, a biblioteca... Continuar Lendo →

A MULA SEM CABEÇA

(Altos - Piauí) Era o fim dos anos 1980. Na época, eu devia ter uns nove anos de idade. Estávamos, além de mim, Pinto e Antonio Carlos brincando na pracinha da independência em Altos. Jogávamos peteca (em outras regiões do Brasil chamada de bolinha de gude) e andávamos de bicicleta. Já eram mais de nove... Continuar Lendo →

CACHORRA PELADA

(Caraúbas, Piauí) Ali nas regiões rurais de Caraúbas, Piauí, há muito tempo se conta a história de uma mulher que, à meia-noite das noites de quinta para sexta, se transforma em uma cachorra pelada e sai correndo pelas veredas do lugar assustando as pessoas. Raimundinho há muito já ouvia aquelas histórias, mas ele não era... Continuar Lendo →

HALLOWEEN SANGRENTO COM AS ALMAS

(Altos - Piauí) 31 de outubro. Aproximadamente 19 horas. Era noite de Halloween, ou como chamam em bom português, dia das bruxas. O costume nascido entre povos europeus eras atrás de celebrar a magia que infesta a Terra nessa data e em dias próximos a ela hoje está disseminado por todos os cantos do mundo.... Continuar Lendo →

A VINGANÇA DO VIOLEIRO

(Altos - Piauí) Zezinho estava namorando Ana há pouco tempo. Estavam ainda no ardor da paixão. Aquele fervor dos primeiros dias de amor. Zezinho queria muito estar com a amada, mas Ana tinha suas limitações. Nunca podia demorar muito nos encontros, pois namoravam escondidos, já que o pai não a deixava namorar ainda, pois a... Continuar Lendo →

O AMIGO IMAGINÁRIO…

(Altos - Piauí) Essa história aconteceu com pessoas bem próximas a mim. Uma moça conhecida minha tinha a essa época dois filhos: Um menino de aproximadamente 2 anos e uma menina de um ano e alguns meses. Um dia a moça que morava sozinha com os filhos estava na sala da casa conversando com uma... Continuar Lendo →

Blog no WordPress.com.

Acima ↑